quarta-feira, 13 de agosto de 2014

No meu copo 397 - Volúpia branco 2010

Eis um branco que é praticamente desconhecido no panorama nacional, e que no entanto merecia outra visibilidade. Tive oportunidade de adquirir uma garrafa há algum tempo por um preço bastante interessante e o resultado excedeu as expectativas.

É verdade que as Caves São Domingos, como outros produtores da Bairrada, não são das mais badaladas, e no entanto já têm 75 anos de história!

Não sendo um vinho extremamente voluptuoso, como o seu nome sugere, é bastante aromático, equilibrado, com corpo médio e final longo. Contém uma combinação bastante interessante de castas com características muito diferentes: a Maria Gomes, a única tradicional da região, a conferir alguma estrutura e mineralidade; o Chardonnay a não mostrar aquele perfil enjoativo que muitas vezes obtém quando estagiado em madeira (o vinho estagiou apenas em inox), tornando o vinho mais denso e cheio; e o Sauvignon Blanc a trazer alguma frescura e elegância, bem como algumas notas florais e citrinas a par com uma certa tropicalidade.

Conjunto muito interessante, a explorar novamente. Recomenda-se com entradas, mariscos, peixes suaves e requintados e pratos não demasiado pesados. Juntámo-lo à nossa lista de sugestões, pois é um vinho que dificilmente irá desiludir.

Kroniketas, enófilo esclarecido

Vinho: Volúpia 2010 (B)
Região: Bairrada
Produtor: Caves do Solar de São Domingos
Grau alcoólico: 13%
Castas: Sauvignon Blanc, Chardonnay, Maria Gomes
Preço: 4,85 €
Nota (0 a 10): 7,5

Sem comentários: