sábado, 27 de julho de 2013

No meu copo 329 - Quinta dos Carvalhais, Alfrocheiro 2006

Ainda no Dão e agora com um grande tinto da Sogrape: este Quinta dos Carvalhais 2006 foi adquirido numa promoção da revista Sábado, que durante algumas semanas colocou à venda um conjunto de vinhos de qualidade acima da média a preços razoáveis. Aproveitámos a ocasião e um dia destes abrimos este Alfrocheiro.

Esta é aquela casta de que ninguém parece lembrar-se, de que ninguém fala, que passa sempre despercebida entre as castas da moda e das que migram de norte para sul e de sul para norte. Mas eis senão quando topamos com ela... e saem-nos vinhos extraordinários!

Nunca será demais recordar aqui as provas efectuadas com umas garrafas de Alfrocheiro de 2000 da Herdade do Peso (portanto, e talvez não por acaso, continuamos no universo Sogrape...), e este Quinta dos Carvalhais foi uma quase completa revelação!

A primeira impressão foi desde logo muito boa no nariz. Grande profundidade aromática, com algumas notas a folhas e frutos do bosque, e uma prova de boca com uma bela estrutura, garra, personalidade e persistência, mas também com aquela elegante suavidade (ou suave elegância, como preferirem) que só no Dão encontramos com esta polidez. E fica ali, pelo serão fora, sem dar sinais de queda.

Em suma, um belo vinho! Que pena só ter comprado este exemplar, mas a partir de agora vou estar atento a ele, porque passa a fazer parte das nossas escolhas recomendadas. Mais uma vez, palmas para a Sogrape!

Ah, não se esqueça de o consumir já se tiver alguma garrafa: está no ponto óptimo de consumo, e apesar da grande capacidade de envelhecimento que normalmente encontramos nos tintos do Dão (veja-se apreciação anterior), qualquer expectativa de crescimento em garrafa neste momento parece-nos que será um tiro no escuro. Parece-me que este será o momento ideal para tirar todo o partido do que ele pode dar.

Kroniketas, enófilo esclarecido

Vinho: Quinta dos Carvalhais, Alfrocheiro 2006 (T)
Região: Dão
Produtor: Sogrape Vinhos
Grau alcoólico: 14%
Casta: Alfrocheiro
Preço: 7,99 €
Nota (0 a 10): 8,5

Sem comentários: