sexta-feira, 23 de fevereiro de 2007

No meu copo 91 - Porto Quinta do Infantado LBV 2001

Pois que do jantar dos "bandalhos" (e não "cambada", como equivocamente o Kroniketas referiu) parece que me calhou dissertar sobre o vinho dos finalmentes (ou dos quase-finalmentes, porque alguns acabaram mesmo foi com uma aguardente do INIA) - um LBV do ano de 2001, da Quinta do Infantado.

Já me foi dado provar uns quantos LBV, uns filtrados, outros não, e de diversos estilos. Cumpre-me assim confessar várias coisas: acho que os filtrados ficam pífios, quando comparados com os que não sofreram essa operação; gosto mais dos que assumidamente são mais "frutados".

Posto isto, direi que este Quinta do Infantado não me encheu as medidas. É certo que se bebe sem problema, mas pareceu-me demasiado seco e delgado para os meus gostos em termos de LBV, apesar de não ser filtrado. Já bebi bem melhor da Ramos Pinto ou da Dow's, para só mencionar alguns.

Em conclusão, pelo preço que este custou há coisas melhores. Mas nisto como noutras coisas, é uma questão de gosto, e os gostos não se discutem. Lamentam-se!

tuguinho, enófilo esforçado

Vinho: Porto Quinta do Infantado LBV 2001
Região: Douro/Porto
Produtor: Quinta do Infantado
Grau alcoólico: 19,5%
Castas: Touriga Nacional, Touriga Francesa, Tinta Roriz, Tinto Cão
Preço em feira de vinhos: 12,89 €
Nota (0 a 10): 6,5

Sem comentários: