domingo, 19 de novembro de 2017

No meu copo 631 - Herdade do Perdigão Reserva branco 2014

Alguns anos depois voltámos a este branco de perfil clássico. Um branco alentejano mais de altitude, produzido exclusivamente com a casta Antão Vaz e fermentado em barricas de carvalho francês, com estágio de 6 meses sobre borras.

Com três anos após a colheita, mostrou-se perfeito para consumo. A madeira está lá mas não se impõe. Apresenta-se com uma cor amarelo palha carregada, aroma profundo mas contido notas cítricas e tropicais, com um tostado muito ligeiro.

Na boca apresenta-se estruturado mas macio e com final longo.

É um branco de meia-estação para o Inverno, para pratos complexos de peixe e bem temperados. A nível de brancos alentejanos, embora não seja dos mais badalados, bate-se certamente com os melhores.

Em complemento apresenta a vantagem de poder perfeitamente ser um branco de guarda, pois alguma evolução já evidente na cor não se reflecte a nível de aroma nem de sabor. É um vinho na idade adulta.

Recomenda-se sem qualquer dúvida.

Kroniketas, enófilo esclarecido

Vinho: Herdade do Perdigão Reserva 2014 (B)
Região: Alentejo (Monforte - Portalegre)
Produtor: Herdade do Perdigão
Grau alcoólico: 14%
Casta: Antão Vaz
Preço: 11,85 €
Nota (0 a 10): 8

Sem comentários: