terça-feira, 26 de junho de 2018

No meu copo 683 - João Portugal Ramos, 25 anos (1ª parte)



João Portugal Ramos, um dos nomes de referência entre os enólogos portugueses e uma das locomotivas na caminhada dos vinhos alentejanos até ao topo das preferências dos consumidores, completou 25 anos de actividade a solo em 2017 com o seu projecto Vila Santa.

Este notável quarto de século foi assinalado por algumas iniciativas de que agora damos conta, começando por um vinho único que foi oferecido aos participantes no final do jantar comemorativo dos 25 anos, que teve lugar em Cascais.

Este vinho, tal como a ocasião, é especial. Foi elaborado especialmente para assinalar a efeméride. Foi elaborado com castas do Douro e do Alentejo, não especificadas, e engarrafado em garrafas magnum numa edição limitada de apenas 1500 exemplares.

E se a garrafa é vistosa, muito mais vistosa é caixa onde vinha guardada, um verdadeiro invólucro de luxo. Aqui reproduzimos a imagem da caixa e os dizeres do verso.

Quanto ao conteúdo, o enólogo sugere-nos que podemos esperar mais uns 25 anos, mas pareceu-me que era melhor não... E quando foi possível juntar quórum para despejar o conteúdo, assim se fez.

O vinho é, também ele, um luxo. Robusto, pujante, estruturado e persistente, mas ao mesmo tempo sedoso e elegante. Feito com carinho e desvelo, é o que se sente ao degustá-lo.

Um grande vinho que é uma bela homenagem a um grande enólogo.

Kroniketas, enófilo esclarecido

Vinho: João Portugal Ramos 25 Anos (Edição Limitada)
Região: Douro e Alentejo
Produtor: João Portugal Ramos Vinhos
Grau alcoólico: 14%
Nota (0 a 10): 8,5

Sem comentários: